Pesquisar neste blog
 
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
31


Arquivo
Mais comentados...
10 comentários
7 comentários
5 comentários
4 comentários
3 comentários
3 comentários
3 comentários
Links
Choose your language
Ana Filipa

Cria o teu cartão de visita
Meteorologia
Click for Lisboa, Portugal Forecast
Contador de Visitas
hospedagem de sites
hospedagem de sites
Número de pessoas online
Visitantes do Blog
Protected by Copyscape Web Plagiarism Check
Protected by Copyscape Web Plagiarism Check
blogs SAPO
subscrever feeds
Sexta-feira, 31 de Dezembro de 2010
Fim de ano, fim do mês…

 

Ora já hà bastante tempo que aqui não venho…

O mês de Dezembro começou para mim por ser um pesadelo… mas eis que esse pesadelo terminou no dia 14 de Dezembro…

 

Digamos que fui assombrada por experiências negativas que me deixaram ao ponto de não querer sair de casa e ver ninguém…

 

Tudo começou a 3 de Dezembro… os meus alunos do 6ºano esperavam-me ao primeiro tempo para fazer ficha de avaliação sumativa. E agora imaginem aquelas pessoas que se deslocam  de carro à procura de lugar… pára, arranca, pára, arranca, não chegam a meter a segunda mudança de tão devagar que se deslocam… E lá ia eu atrás do carro que ia assim… acontece que essa condutora ao avistar o marido faz uma travagem brusca e súbita. Estava muito frio, o chão estava escorregadio e apesar de acompanhar a travagem o meu carro bateu no carro da frente.

 

O que mais me custou foi o facto de ir um bebé no carro! Agi de forma muito tranquila… só queria era ir para a escola, deixei os meus contactos ao marido da condutora e o mesmo perguntou-me se me assumia como culpada…? (Isto é ridículo… até parece que fazemos por bater de propósito). Tinha que me assumir como responsável visto que quem bate por trás tem sempre a culpa nem por tamanha razão que tenha…

 

Resultado? O meu carro parecia só estar partido no símbolo, na grelha e na matrícula. Quando fui mandar fazer a matrícula para o carro fui ter com o responsável dos sinistros para me fazer um orçamento. Mal ele abriu o capot… era farol lateral partido, a peça que segura a grelha estava partida, etc…

 

O orçamento inicial estava na casa dos 1900 euros… Eu estava a dias de ter que gastar 2400 euros com os meus dentes, depois de muito ponderar esse gasto e o tratamento em causa.

 

Será possível imaginar o nó que senti na garganta nesse dia? E imaginar que ia ser penalizada no seguro? E que ainda por cima o outro carro era um Audi, cujo portador tinha seguro contra todos… Há gente muito egoísta cruel… pois nesse dia lá tive que me encontrar com quem me causara aquele acidente… Ele era agressivo, na maneira de falar e na maneira de agir… quase que sentia ali que estava a ser obrigada a escrever na declaração amigável que assumia a culpa. Mas acham que alguém bate porque quer? Por lhe apetecer?

 

 

Ela uma sonsa, armada em inocente e coitadinha… e eu ali como má da fita… Afinal a senhora ia com o filho bebé às análises e eu tinha batido e danificado apenas a parte do parachoques… sou tão má não é? Eu quis lhe estragar o dia só a ela, não?

 

 E eu? Acartar com tamanho custos? O dinheiro que andei a juntar desde que comecei a trabalhar fora as poupanças que já tinha feito outrora…

 

Nesse dia só quis deitar-me e dormir… descansar, dormir o máximo possível...  Não tinha cabeça para nada…

 

Tinha deixado o carro a reparar pois o técnico da oficina não me aconselhou a circular com o carro assim… A peça que sustinha a ventoinha de ventilação comprometia o funcionamento da mesma… o que podia ser perigoso…

 

Tinham me dito que talvez me dessem o carro pronto dali a uma semana, embora o previsto fosse no dia 13 de Dezembro…

 

 

Eu bati com o carro numa Sexta, seguia-se o fim-semana... no Sábado mal quis sair da cama… No Domingo foi abalada com uma tristeza enorme… uma incerteza relativa ao tratamento dos dentes… E se não em gostasse de ver ao espelho? E que espécie de provisórias iria ter? Iria fazer muita diferença? Os meus dentes iam ser desbastados… os 4 da frente… e se eles não aguentassem a próteses…

Estava numa tristeza profunda que mantive no dia seguinte… Chorei imenso, tinha medo, dúvidas, tinha medo da minha figura ao espelho, etc…

 

Acreditem com a provisória estava horrível…

Não tinha sequer que o meu carro onde podia esconder a minha imagem.

 

Não me quis ver ao espelho quando saí do dentista… Estava numa tristeza profunda…

 

No entanto, mais uma vez não sei onde fui buscar forçar para lidar com tudo o que estava a passar e encarei tudo de forma o mais positiva possível!

 

Quando olho para este tipo de momentos e sei que os superei fico orgulhosa de mim mesma…

 

A nível profissional estava cheia de trabalho, reuniões de Directores de Turma, preparar todas as informações relativas às avaliação final dos alunos, corrigir testes, lançar notas, etc…

 

No dia 14 de Dezembro foi como se todo o pesadelo que me assombrava há dias terminasse… Coloquei os dentes definitivos nos quais tinha imensa fé e fui buscar o meu carrinho que não ficou tão dispendioso quanto ao orçamento inicial.

 

Adorei ver-me com os dentes… e ter o meu carro novamente nas mãos, pode-lo conduzir quase que me comoveu…

 

Só por acaso era a data limite para a entrega das notas dos meus alunos, prazo que cumpri e no final desse dia tinha todos os motivos para sorrir! Nada me podia deixar triste!

 

Para mim aquele dia foi sem dúvida dos mais felizes face aos momentos menos bons que tinha passado.

 

Neste mês ainda tive outras coisas boas!

Uma delas está relacionada com a minha mana, mas também comigo…  Quando for mais propício eu faço referência a tudo isso.  

 

Acho que nomeio este mês como o melhor de 2010…

 

E como hoje é o último dia de 2010… acho que devo fazer referência a alguns factos de 2010 que jamais esquecerei:

 

Melhor mês: Dezembro

  

Pior mês: Abril

  

Melhor filme: “Pequenos e graúdos” (Grown Ups)

 

Melhor viagem: Em Áustria e no Algarve com a mana, Cátia e Peter.

 

Experiência única: escorregas do Slide & Splash

 

Melhor programa de TV: “Laços de Sangue”

 

RIP : António Feio e Matilde Rosa Araújo

 

Peça de roupa que mais me marcou: calções, tanto no Verão como no Outono e Inverno …

 

Cor que mais me marcou: branco

 

Sonho concretizado: continuar colocada…

 

Melhor jogo:  SingStar para a Playstation – Portugal hits

 

Concretização profissional: terminei um ano lectivo com os mesmos alunos. Ou seja não andei a “pegar” em turmas. Estar com o papel de Directora de Turma é também um desafio para mim…

 

Penteado: adorei as “nuances” que fiz em Setembro!

 

Melhor decisão: ter terminado aquilo que chamava de “namoro” e ter-me encontrado comigo mesma…

 

Pior decisão: só me arrependo do que não faço… Mas acho que devia mudado de paróquia… mas lá Deus sabe porque não mudei…

 

Melhor compra: jeans Salsa por 29,90€!!!

 

Música: Katy Perry - California Girls

 

Internet: Facebook e respectivas aplicações e jogos.  Andar a ver blogs que me motivaram a voltar em força a publicar posts no meu blog.

 

Amizade inesperada: Paula

 

Frase: “algumas das melhores coisas da vida são erros crassos”- filme “Pago para esquecer”

 

E com esta frase termino este post, o último de 2010…

Vou tirar proveito das últimas horas deste ano e preparar-me para receber 2011 em grande!!!

 

A todos …

Happy New Year…

 

 

 

 

 

 

 

 

 


I feel: Prestes a entrar em 2011

Publicado por... anynhasblog às 21:14
Link do post | Comments... | Adicionar aos Favoritos
 O que é? |  O que é?

Um pouco sobre mim...
Posts recentes

30 de dezembro 2013